• Redação

'Praia': intervenção que propõe quebra de padrões de corpos causa polêmica nas redes sociais em JF

Vereador Bejani Júnior (Podemos) questionou uso de recursos públicos para o evento. Ação ocorreu no fim se semana e faz parte da programação da releitura da Semana de Arte Moderna de 1922, que completa 100 anos neste mês.


Intervenção urbana abre programação do centenário da Semana de Arte Moderna em Juiz de Fora — Foto: Prefeitura/Divulgação

A intervenção cultural "Praia" causou polêmica nas redes sociais com muitas críticas e também elogios durante o último fim de semana em Juiz de Fora. Diante da situação, o vereador Bejani Júnior (Podemos) protocolou nesta segunda-feira (7) um documento que solicita informações sobre o uso do dinheiro público.


O evento foi realizado no último sábado (5) no Parque Halfeld, um dos locais mais movimentados da região central da cidade, e dividiu opiniões entre pessoas que defendem a quebra de paradigmas através da cultura e aquelas mais conservadoras, que viam com estranhamento a manifestação dos artistas.


A diretora da intervenção artística, Letícia Nabuco, afirmou que a proposta foi criar um cenário de litoral em um dos espaços mais tradicionais de encontro da cidade e, além disso, trazer questionamentos sobre como os cidadãos lidam com a exposição da diferença dos corpos.


Para questionar o uso de recursos, o vereador afirmou que o pedido se deve à repercussão contrária da população ao evento. O evento faz parte da programação da releitura da Semana de Arte Moderna de 2022, que completa 100 anos neste mês de fevereiro, e teve início com a intervenção urbana "Praia".


A diretora-geral da Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa), Giane Elisa Sales de Almeida, informou que os projetos são selecionados por uma banca e contam com participação popular.


"Os projetos são selecionados pela Comissão Municipal de Incentivo à Cultura e têm a participação de pessoas que são da Prefeitura, indicadas pela Funalfa e também a participação da sociedade civil, indicadas pelo Conselho de Cultura".


ENTENDA


No último sábado, foi realizada no Centro de Juiz de Fora, uma intervenção artística que faz parte do Programa Cultural Murilo Mendes, denominada "Praia".


De acordo com a diretora da intervenção artística, Letícia Nabuco, a proposta foi criar um cenário de litoral em um dos espaços mais tradicionais de encontro da cidade e, também, trazer questionamentos sobre como os cidadãos lidam com a exposição da diferença dos corpos.


"A ideia é a gente ocupar o Parque Halfeld de uma maneira diferente do que acontece normalmente e estamos aqui para propor novos olhares, novas maneiras de estar, questionando protocolos sociais, preconceitos e se dando ao prazer de desfrutar esse momento".

A ação reuniu integrantes do grupo Mercúrio Líquido, sediado no Diversão e Arte Espaço Cultural e está prevista para ser reapresentada no próximo sábado (12), no mesmo horário e local, com a participação de artistas selecionados através de uma convocatória.


Semana de Arte Moderna


A releitura da Semana de Arte Moderna com artistas juiz-foranos segue durante todo o mês de fevereiro. Ao todo, serão apresentados 15 projetos financiados pelo Programa Cultural Murilo Mendes, mantido pela Prefeitura de Juiz de Fora.



Fonte: G1